PROMOÇÃO

quarta-feira, 26 de julho de 2017

Sexta baleia é encontrada morta no Sul baiano; veterinário estima novos casos

Foto: Divulgação/Instituto Marola e Projeto AMar

Mais uma baleia Jubarte foi encontrada morta no sul da Bahia. Uma fêmea jovem medindo cerca de dez metros foi encontrada na tarde da última segunda-feira (24) na praia de Lençóis, município de Una. Moradores da localidade avistaram o animal e acionaram o Instituto Marola e o projeto A-Mar, que monitoram o trecho marinho. A baleia apresentava escoriações nas laterais e na mandíbula, além de hematomas. Esse é o sexto caso de mortes da espécie na região em um mês. O número, porém, pode aumentar. Conforme o veterinário, Wellington Laudano, do AMar, o fato ocorre porque em 2017 o fluxo de saída dos animais das Ilhas Geórgia do Sul, que ficam no Oceano Atlântico, foi antecipado. O costume é que eles cheguem na região de Abrolhos, em Caravelas, entre julho e outubro, para acasalar e se reproduzir em água mais quentes, com temperaduras de 3 a 4 graus acima. No entanto, neste ano uma baleira foi vista em Serra Grande, em Uruçuca, no final de abril. “Tudo indica que o numero seja ultrapassado. Então, elas anteciparam demais a vinda. Provavelmente em setembro, não deve ter mais baleias por aqui”, informa Laudano. Segundo ele, até o momento não foi possível saber as causas da morte do animal. Um dos problemas é a falta de recursos para os órgãos que atuam no setor. Laudano ainda informa que em um ano, 28 baleias Jubarte foram encontradas encalhadas em todo país.

por Francis Juliano

Nenhum comentário: