PROMOÇÃO

quinta-feira, 21 de setembro de 2017

Cadastro Ambiental amplia mobilidade e capilaridade para atender 109 municípios

Foto - Site do Governo do Estado do Ceará 
Serão instaladas 11 bases, nos municípios de Crato, Brejo Santo, Quixeramobim, Crateús, Tauá, Beberibe, Limoeiro do Norte, Iguatu, Sobral, Canindé e Itapipoca.

O Cadastramento Ambiental Rural do Ceará (CAR) passa a contar com mais mobilidade, com a aquisição de seis carros utilitários. Os veículos apresentados nesta terça-feira (19) são do tipo caminhonete com cabine dupla e tração nas quatro rodas, indicados para dar suporte aos supervisores e técnicos do projeto, nas ações de mobilização, monitoramento e fiscalização que realizam em todo o Ceará. A frota foi disponibilizada depois de adesivada com os símbolos das entidades parceiras que identificam o cadastramento. O projeto que levanta informações sobre imóveis rurais a as armazenas numa grande base de dados é executado pela Superintendência Estadual do Meio Ambiente (Semace) com o apoio financeiro do Fundo Amazônia /BNDES e contrapartida do Governo do Estado. O trabalho de mobilização de entidades públicas e privadas para o apoio ao CAR, o treinamento de pessoal e o atendimento no campo são realizados em 109 municípios. Em dois anos, 5.200 pessoas participaram de reuniões de sensibilização e de treinamentos. Uma Unidade Gestora composta por técnicos especializados no CAR foi implementada na Semace, para coordenar os trabalhos.
“Sensibilizamos os tomadores de decisão e agricultores familiares sobre a importância de realizar o CAR, destacando as vantagens e os prejuízos em não aderir ao cadastro”, explica a coordenadora da Unidade, Tereza Farias.


Apoio à inscrição.

Uma empresa especializada foi contratada para apoiar o cadastramento com mais capilaridade. As equipes começam a atuar até novembro. Serão instaladas 11 bases, nos municípios de Crato, Brejo Santo, Quixeramobim, Crateús, Tauá, Beberibe, Limoeiro do Norte, Iguatu, Sobral, Canindé e Itapipoca. Ações itinerantes também estão planejadas, para atender os agricultores. A metodologia de ação será apresentada em 11 seminários regionais

Fonte da Matéria: Governo do Estado do Ceará
Via Diomar Araujo

Nenhum comentário: