PROMOÇÃO

quinta-feira, 12 de outubro de 2017

Contador afirma que recebeu comprovantes de aluguel de imóvel atribuído a Lula

Foto: José Cruz/ Agência Brasil

Em declaração por escrito entregue ao juiz Sérgio Moro pela defesa do ex-presidente Lula, o contador João Muniz Leite afirmou que recebeu, entre 2011 e 2015, os recibos de pagamento do aluguel do apartamento 121, do edifício Hill House, em São Bernardo do Campo (SP). O imóvel é do engenheiro Glaucos da Costamarques, vizinho ao apartamento em que mora o petista e gerou uma ação penal sobre supostas propinas da Odebrecht para Lula. De acordo com o jornal O Estado de S. Paulo, além da declaração, a defesa do ex-presidente informou a Moro ter ‘vias originais de todos os documentos já apresentados, além de outros seis recibos de 2011 localizados, que serão apresentados para que “possam, se o caso, serem submetidos à perícia’. A informação sobre a posse dos documentos originais foi solicitada pelo juiz. No documento, Muniz Leite afirma que prestou ‘serviços contábeis para o sr. Glaucos da Costamarques no período de 2010 a 2015’. “Durante esse período, assessorei o sr. Glaucos na elaboração do seu imposto de renda e na emissão de guias para recolhimento de impostos, incluindo-se nestes, o cálculo e elaboração das guias do carnê-leão referentes ao recebimento de aluguéis auferidos pelo mesmo em relação a locação de um apartamento para Dona Marisa Leticia Lula da Silva”, informa o contador. “Para essa finalidade, recebia das mãos do sr. Glaucos, periodicamente, os recibos relativos aos pagamentos dos aluguéis por parte da sra.
Marisa Letícia Lula da Silva, de 2011 a 2015, os quais serviam também para dar lastro à declaração de imposto de renda.” Muniz Leite diz que esteve no Hospital Sírio-Libanês em 2015 ‘para tratar com o sr. Glaucos de alguns assuntos, inclusive dos recibos de aluguéis’.
“Mas não corresponde à verdade que naquela oportunidade eu teria colhido do sr. Glaucos as assinaturas em todos os recibos relativos à locação para a sra. Marisa Letícia Lula da Silva, e sim em apenas alguns meses, que embora tivéssemos os recibos, os mesmos não estavam assinados. De 2011 a 2015 também elaborei as guias relativas ao “carnê-leão” que eram recolhidos mensalmente pelo sr. Glaucos em relação aos recebimentos de locação por parte da sra. Marisa Letícia Lula da Silva”, relata.

Nenhum comentário: