PROMOÇÃO

sexta-feira, 20 de outubro de 2017

Operação da PF mira gerentes da Petrobras que beneficiavam Odebrecht

Foto: Divulgação / PF

A Polícia Federal cumpre mandados no Rio de Janeiro e em Recife (PE) de uma nova operação que investiga o pagamento de vantagens indevidas a executivos da Petrobras através do Setor de Operações Estruturadas do Grupo Odebrecht, que é o departamento criado pela empresa para viabilizar o pagamento de propina. Segundo a PF, foram expedidos ao todo um mandado de prisão temporária, quatro de busca e apreensão (um deles é cumprido em Recife), um de condução coercitiva (quando a pessoa é levada para prestar depoimento), além de três intimações. A investigação está centrada em indícios concretos de que um grupo de gerentes da Petrobras se uniu para beneficiar o Grupo Odebrecht em contratações com a estatal, mediante o pagamento de propina, disfarçada por meio de contas de empresas off-shores estabelecidas no exterior. Os envolvidos na operação responderão pelos crimes de associação criminosa, corrupção e lavagem de dinheiro.

Nenhum comentário: