PROMOÇÃO

terça-feira, 2 de janeiro de 2018

Oficial do 23ºBC é encontrado morto em alojamento do Rio Grande do Norte

O oficial fazia parte do comboio de 300 homens da 10ª Região Militar do Exército Brasileiro, deslocados das cidades de Fortaleza e Crateús, para ajudar no controle da violência no Estado do Rio Grande do Norte


Caminhão do Exército chega ao ginásio Pedro Ciarlini, base da "Operação Potiguar III" em Mossoró ( (Foto: Reprodução/Inter TV Cabugi) )

Um oficial do Exército Brasileiro (EB), destacado no 23º Batalhão de Caçadores (BC), em Fortaleza, foi encontrado morto, na manhã desta segunda-feira (1º), no alojamento montado pela "Operação Potiguar III" no Ginásio de Esportes Pedro Ciarlini, em Mossoró, no Estado do Rio Grande do Norte. O tenente apresentava uma lesão à bala. Um inquérito militar foi aberto para investigar o caso.

Em entrevista coletiva sobre os resultados da operação, concedida no final da manhã de hoje (1º), na Capital potiguar, Natal, o ministro da Defesa, Raul Jungmann, confirmou o caso e adiantou que não houve crime. “Ainda não temos informações concretas, mas o que já podemos informar é que não houve um crime”, pontuou o ministro. 

O nome e a idade do oficial ainda não foram divulgados pelo Exército. A Corporação enviou um perito de Recife, Capital de Pernambuco, para Mossoró. Duas perícias técnicas foram realizadas no local e, ambas, teriam reforçado que o militar não foi vítima de um homicídio, nem de um acidente. 

O tenente fazia parte do comboio de 300 homens da 10ª Região Militar do Exército Brasileiro, deslocados das cidades de Fortaleza e de Crateús, para ajudar no controle da violência no Rio Grande do Norte, em função da paralisação dos policiais e bombeiros Militares. A princípio, a permanência das tropas em Mossoró deverá acontecer até o dia 12 de janeiro.


Diario do Nordeste

Nenhum comentário: