PROMOÇÃO

segunda-feira, 12 de fevereiro de 2018

Túmulo é violado e caixão é jogado para fora do cemitério em Santa Cruz do Banabuiú

Túmulo é violado e caixão é jogado para fora do cemitério em Santa Cruz do Banabuiú

Um fato que chegou a redação do site CORREIO NEWS, na manha desta segunda-feira de carnaval, 12 de fevereiro, onde fomos procurados por uma pessoa que preferiu não se identificar, que nos relatou um acontecimento no distrito de Santa Cruz do Banabuiú, a 36 km da sede, zona rural do município de Pedra Branca-CE. Na última sexta-feira 09, no distrito de Santa Cruz do Banabuiú, ocorreu a violação de um túmulo sem a permissão da família. Foi retirado o caixão da gaveta para assim colocarem outro caixão no local realizando um outro sepultamento sem qualquer comunicado aos familiares deste acontecimento.


O túmulo violado onde teve o caixão quebrado, e retirado do local, pertence a Antônia Francelina da Silva, sepultada no dia 06/02/2016, apenas dois anos de falecimento, que apesar da violação do túmulo, o caixão foi jogado para o lado de fora do cemitério. A família da mesma se encontra muito revoltada, e segundo informações, a Policia Civil já foi comunicada sobre o fato, a família informou para a nossa redação de que também irá entrar com uma ação judicial contra os autores.

O fato foi descoberto na manhã de sábado 10, quando uma pessoa da família teria ido até o cemitério fazer uma visita e acender velas no túmulo, quando sentiu com um forte cheiro, e logo em seguida se deparou com a gaveta do túmulo de seus ente querido fechada de forma diferente e com o cimento ainda fresco. O mal cheiro que se exalava no cemitério, onde foi averigado e constatado por esta pessoa da família que o caixão retirado do túmulo estava entre aberto, quebrado e jogado no pé do muro do lado de fora do cemitério.


Ainda segundo informações, o coveiro do cemitério teria participação diretamente na ação. Neste domingo 11, o caixão ainda se encontrava jogado do lado de fora do cemitério, como se fosse um lixo qualquer.


FOTOS: Divulgação/CORREIO NEWS
REPORTAGEM: Di Carvalho/Correio News

Nenhum comentário: