PROMOÇÃO

segunda-feira, 19 de março de 2018

Lula defenderá fim do teto de gastos em carta para o povo; foco será desigualdade

Foto: Ricardo Stuckert

O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva defenderá o fim do teto de gastos públicos que congelou despesas federais por 20 anos. A bandeira será levantada em manifesto que deve apresentar sua plataforma eleitoral, no estilo da Carta ao Povo Brasileiro de 2002. A diferença é que, desta vez, o petista promete radicalizar, "indo à raiz dos problemas", conforme disse o ex-presidente a aliados. De acordo com a coluna Painel, da Folha de S.Paulo, o foco da nova carta será o combate à desigualdade, chave da proposta para atacar os desequilíbrios da Previdência e promover a reforma tributária. A intenção é desonerar os mais pobres e aumentar os impostos aos mais ricos. A carta ainda não tem data para ser divulgada. O Tribunal Regional Federal da 4ª Região julgará em breve recursos de Lula contra sua condenação, podendo mandar prendê-lo em seguida.

Nenhum comentário: