PROMOÇÃO

sexta-feira, 29 de junho de 2018

AQUIRAZ Novo presídio terá Regime Disciplinar Diferenciado


Com a proposta de humanizar o Sistema Penitenciário cearense e albergar os presos que estão detidos nas delegacias de Fortaleza e da Região Metropolitana, uma nova unidade prisional foi inaugurada, na tarde da última quinta-feira (28), em Aquiraz.

Das 568 vagas do Centro de Detenção Provisória (CDP), 492 serão destinadas aos internos comuns, 28 aos de Regime Disciplinar Diferenciado (RDD) - que têm limitações quanto ao direito de visitas e saídas da cela -, e 48 para os especiais, - pessoas que têm ensino superior ou que ocupam algum cargo público, como determina a Lei 3689/41.

O intuito da Secretaria da Justiça e Cidadania do Estado do Ceará (Sejus) é que os presos permaneçam no equipamento de segurança por, no máximo, 60 dias. A transferência deles está prevista para ocorrer daqui a, aproximadamente, 15 dias.

A presidente em exercício do Sindicato dos Policiais Civis (Sinpol), Ana Paula Cavalcante, disse que “não adianta só retirar os presos, tem que arrancar as grades. Eu já vi retirarem três vezes e dois meses depois já estava lotado novamente. As delegacias estão na área urbana, o que representa um risco. O crime organizado chegou no Estado e se estabilizou por conta do enfraquecimento da Polícia Civil”.

O governador Camilo Santana destacou que, com a inauguração do CDP, os profissionais da Polícia Civil passarão a atuar cada vez mais nas ruas. “A nossa meta é que, com a saída dos presos das delegacias, os policiais civis possam cumprir o seu verdadeiro papel: ir às ruas e investigar, e não ficar guardando presos em delegacias”. 

Humanizado

A secretária de Justiça e Cidadania, Socorro França, afirmou que a humanização é o ponto mais inovador do projeto do CDP. “Estamos trabalhando para que o reeducando possa passar pela ressocialização que as pessoas tanto falam”.
Diario do Nordeste

Nenhum comentário: