PROMOÇÃO

terça-feira, 17 de julho de 2018

Polícia caça bandidos que tentaram assassinar PM na noite de segunda em Fortaleza

Resultado de imagem para plantao policial
As imagens do ataque ao militar foram gravadas pelas câmeras de segurança de um ponto comercial no bairro Vila União. Noutro vídeo, os bandidos aparecem roubando uma Hilux que seria usada na fuga após o atentado ao PM.
Um a caçada policial foi registrada nas últimas horas em Fortaleza após bandidos tentarem matar um policial militar. O crime ocorreu na noite desta segunda-feira (16), no bairro Vila União, e foi flagrado pelas câmeras de segurança de um estabelecimento comercial. O militar reagiu, estabelecendo um confronto. O PM sofreu um tiro no rosto e um dos criminosos teria ficado também ferido.

A tentativa de assassinato contra o PM (identidade preservada) ocorreu logo após os criminosos terem roubado uma caminhoneta Hilux durante o assalto a uma residência. Com o carro roubado, o bando se dirigiu à Vila União. Imagens mostram o momento em que um dos criminosos desce da caminhoneta, saca a arma e começa a atirar contra o militar, que está à paisana na calçada de sua residência. Ele reage e começa o tiroteio. Os bandidos fugiram e o PM foi socorrido por um policial civil que passava pelo local, sendo encaminhado ao Instituto Doutor José Frota (IJF-Centro).


Os bandidos abandonaram, depois, a caminhonete roubada nas proximidades da Favela da Maravilha, localizada próximo à Base Aérea de Fortaleza. O veículo apresentava marcas de tiros. Ainda assim, os criminosos fugiram e estão sendo caçado. Um suspeito – o que teria disparado os tiros contra o militar – foi identificado como sendo morador do bairro Bela Vista. Trata-se do assaltante e traficante de drogas Eduardo da Silva Marques, conhecido pelo apelido de “Fede a Peixe”, dono de uma extensa ficha criminal. Ele teria ficado ferido na troca de tiros com o militar.

Durante toda a madrugada desta terça-feira a Polícia fez diligências na tentativa de localizar o atirador e seus comparsas. As diligências prosseguem.

Fernando Ribeiro 
http://cearanews7.com

Nenhum comentário: