PROMOÇÃO

terça-feira, 14 de agosto de 2018

Maluf quer adiar julgamento de cassação do seu mandato na Câmara

Foto: Leonardo Prado / Câmara dos Deputados

Interlocutores de Paulo Maluf (PP-SP) pediram a parlamentares para adiar por "pelo menos 15 dias" a decisão sobre o pedido de cassação do mandato do deputado federal. A Mesa Diretora deve voltar a discutir assunto em reunião nesta terça-feira (14). O último adiamento do caso ocorreu na semana passada, quando os deputados André Fufuca (PP-MA) e Fabio Ramalho (MDB-MG) pediram mais tempo para analisar o processo na diretoria.

Os parlamentares argumentaram que a extensão do prazo daria condições para o presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ), buscar mais informações sobre o caso no Supremo Tribunal Federal (STF). No entanto, segundo o blog da Andréia Sadi, no G1, advogados de Maluf querem protelar o julgamento porque sabem que, com o período eleitoral, a Câmara não deve se reunir para resolver o assunto.

Por outro lado, de acordo com a publicação, Maia acredita que a Mesa Diretora pode ser acusada de descumprir uma decisão judicial com esses adiamentos, uma vez que foi o ministro Edson Fachin quem determinou que o departamento julgasse o caso. O democrata pontua também o prejuízo político que os parlamentares podem agregar se não cassarem Maluf antes da eleição.

O deputado do PP foi condenado a mais de sete anos de prisão pelo crime de lavagem de dinheiro no período em que foi prefeito de São Paulo (1993-1996). Atualmente, ele está afastado da Congresso e cumpre prisão domiciliar.

Nenhum comentário: