PROMOÇÃO

quinta-feira, 15 de novembro de 2018

Ministério da Saúde anuncia edital para substituir cubanos no Mais Médicos

Foto: Karina Zambrana / Ascom / MS

O Ministério da Saúde anunciou nesta quarta-feira (14) que vai lançar um edital para substituir os médicos cubanos que vão deixar o programa Mais Médicos. Segundo a pasta, será respeitada a convocação prioritária dos candidatos brasileiros formados no Brasil seguida de brasileiros formados no exterior.

A medida foi anunciada após o governo de Cuba decidir retirar os médicos do país do programa Mais Médicos (veja mais). O Ministério da Saúde foi comunicado da decisão pela Organização Pan-Americana de Saúde (Opas) na manhã desta quarta.

Desde 2016, o Brasil vem substituindo médicos cubanos por brasileiros no programa. Até então, cerca de 11.400 profissionais de Cuba trabalhavam no Mais Médicos. Neste momento, 8.332 das 18.240 vagas do programa estão ocupadas por eles.

Segundo o Ministério da Saúde, outras medidas para ampliar a participação de brasileiros vinham sendo estudadas, como a negociação com os alunos formados através do Fies. "Essas ações poderão ser adotadas, conforme necessidade e entendimentos com a equipe de transição do novo governo", diz texto divulgado pela pasta.

Em nota, o governo do estado lamentou a saída de Cuba do Mais Médicos e disse que ela representa "grave ameaça para municípios baianos" (veja mais). Segundo o secretário estadual de Saúde, Fábio Vilas-Boas, nenhum edital de contratação de médicos brasileiros conseguiu contratar a quantidade de profissionais necessária no momento.

Nenhum comentário: