sábado, 12 de janeiro de 2019

Chuva forte atinge SP e provoca alagamentos na Região Metropolitana

Temporal chegou a derrubar portão de templo Budista em Cotia. Embu das Artes também foi bastante afetada. Na capital, chuva fez córrego do Ipiranga, na Zona Sul, transbordar.


Chuva derruba portão e forma 'cachoeira' em templo budista de SP

Menos de 24 horas após temporal fechar o aeroporto de Congonhas, na Zona Sul de São Paulo, a chuva voltou a colocar regiões da cidade em estado de atenção e provocar alagamentos na Região Metropolitana na tarde desta sexta-feira (11). Há registro de alagamentos Régis Bittencourt, originando trechos de congestionamento na pista sentido São Paulo do km 278 ao km 272, em Embu das Artes. Em Cotia, um veículo foi arrastado na Rua Coimbra, na Chácara Progresso. Os bombeiros foram acionados para retirar o motorista do carro. A chuva também provocou estragos em um templo budista da cidade.

Carro ficou preso no alagamento em Cotia, na Grande São Paulo — Foto: GloboNews/Reprodução

Capital

O Centro de Gerenciamento de Emergências (CGE), da Prefeitura, emitiu o alerta para a subprefeitura do Ipiranga, por conta do tranbordamento de córrego. O problema também ocorreu na noite desta quinta (10), quando a chuva castigou a Zona Sul. De acordo com o CGE, as Zonas Oeste, Sul, Leste, alguns bairros da Zona Norte, o Centro e as Marginais Pinheiros e Tietê foram as áreas afetadas. Às 17h, não havia mais nenhuma região em estado de atenção. Os bombeiros registraram 33 quedas de árvores. Moradores de bairros da Zona Sul afirmam que a região está sem energia. Na Saúde, a chuva provocou a explosão de um transformador.Bombeiros e técnicos da Eletropaulo atuam no local. Ninguém se feriu.

Transformador explode e deixa moradores sem energia elétrica na Zona Sul de SP
G1 SP

Transformador explode e deixa moradores sem energia elétrica na Zona Sul de SP


O problema também ocorre em outras áreas Grande São Paulo.

Em nota, a Enel informa que fortes chuvas e raios na tarde de hoje atingiram, principalmente, as zonas Norte, Oeste e Sul da Região Metropolitana de São Paulo, afetando o fornecimento de energia em algumas ruas dessas regiões. A empresa destaca também que algumas vias estão alagadas, o que dificulta o deslocamento das equipes da distribuidora.

Chuva derrubou árvore no bairro da Saúde, na Zona Sul de SP — Foto: Teotônio Mariano/Divulgação

Houve registro de rajadas de vento em Congonhas e queda de granizo nos bairros:

Ipiranga, Zona Sudeste, às 15h10
Saúde, Zona Sudeste, às 15h15
Conceição, Zona Sudeste, às 15h18
Praça da Árvore, Zona Sudeste, às 15h18
São Mateus, Zona Leste às 15h20
Vila Mariana, Zona Sudeste, às 15h32

O calor e a alta disponibilidade de umidade na atmosfera continuam atuando com forte intensidade na capital paulista. Segundo previsão dos meteorologistas do CGE, devem seguir nas próximas horas atuando em outras regiões, deixando a tarde desta sexta-feira (11) instável.

Por G1 — São Paulo

Nenhum comentário: