PROMOÇÃO

sábado, 16 de fevereiro de 2019

Petrobras não aprova indicação de Bolsonaro para que amigo ocupe cargo de gerência

Foto: Reprodução / EBC

Apesar da indicação do presidente Jair Bolsonaro do nome de Carlos Victor Guerra Nagem para o cargo de Gerente Executivo de Inteligência e Segurança Corporativa da Petrobras, a empresa divulgou nesta sexta-feira (15), que o nome de Nagem não foi aprovado.

"Apesar de sua sólida formação acadêmica e atuação na área, seu nome não foi aprovado porque ele não possui a experiência requerida em posição gerencial que é necessária à função, considerada de elevada sensibilidade para a companhia", informou a nota emitida pela empresa.

A indicação Carlos Victor Guerra Nagem por Bolsonaro aconteceu em janeiro através de uma rede social. Na ocasião, a nomeação ainda precisava passar pela aprovação do Conselho de Administração e de outras instâncias da direção da empresa.

Carlos Victor Guerra Nagem é capitão da reserva da Marinha e funcionário concursado da Petrobras há 11 anos. Ele vinha atuando na área de segurança nos últimos seis anos.

Nenhum comentário: