quarta-feira, 8 de maio de 2019

Criminosos explodem banco e atiram contra prédio policial pela segunda madrugada seguida no Ceará

Bandidos destruíram a agência bancária durante a ação criminosa na cidade de Graça. Ninguém foi preso.

Criminosos explodem banco e atiram contra prédio policial pela segunda madrugada seguida no Ceará

Criminosos explodiram uma agência bancária e atacaram um prédio do destacamento policial na cidade de Graça, na Região Norte do Ceará, na madrugada desta quarta-feira (8). Foi o segundo dia seguido de ataques contra bancos e prédios da polícia no estado. Na madrugada de terça-feira (7), uma quadrilha armada explodiu uma agência e atirou contra a polícia no município de Irauçuba, que também fica localizado na Região Norte do Ceará.


O ataque desta madrugada foi o segundo registrado contra agências bancárias na cidade de Graça em pouco mais de um mês. No primeiro, registrado no dia 2 de abril, a agência do Branco do Brasil ficou destruída e o prédio da polícia foi metralhado por bandidos.

Na ação criminosa desta quarta-feira, os assaltantes se dividiram em dois grupos e foram para a agência do Bradesco. Conforme a polícia, parte do grupo invadiu o estabelecimento bancário e detonou os explosivos. Os outros deram cobertura com tiros contra o prédio da polícia. A ação aconteceu por volta das 2h30.
Criminosos explodem banco e atiram contra prédio policial pela segunda madrugada seguida no Ceará

Bandidos destruíram a agência durante ataque no Ceará — Foto: Matheus Ferreira/SVM

Destruição na cidade

Moradores relataram barulho de diversos tiros e explosões durante a ação. Com a explosão, o interior da agência ficou destruído e a porta de vidro, estilhaçada. Na fachada do prédio da polícia ficaram as marcas dos disparos. Nenhum policial ficou ferido.

A Polícia Militar não soube informar quantos homens participaram da ação. A segurança da cidade foi reforçada após o ocorrido e equipes da Polícia Militar saíram em busca dos suspeitos. Conforme os agentes de segurança, a quadrilha levou uma ambulância e abandonou na rodovia CE-321.


Até as 7h20 desta quarta, nenhum assaltante suspeito de participação no crime havia sido localizado. A polícia não divulgou se os assaltantes tiveram acesso ao dinheiro da agência.

Na madrugada desta quarta-feira (8), o ataque ocorreu em Graça, que teve outra agência destruída há pouco mais de um mês. — Foto: Matheus Ferreira/TV Verdes Mares

Primeiro ataque

No ataque em abril o grupo criminoso também metralhou um carro da polícia quando atacou o prédio da guarnição da cidade e incendiou outro veículo na fuga. Após deixarem a cidade, a polícia solicitou o apoio de forças de segurança dos municípios vizinhos, entre eles Sobral, São Benedito e Pacujá.

Porém, grampos jogados na rodovia CE-321, que dá acesso ao município, furaram os pneus dos carros, impedindo o reforço na busca aos criminosos.

Cidade sem bancos

Com a segunda investida registrada em Graça, já são nove ataques contra bancos ocorridos no Ceará em 2019. Os demais casos aconteceram nos municípios de Irauçuba, Cariré, Croatá, Tururu, Tamboril, Tianguá e Tejuçuoca.

Devido o ataque desta madrugada, os cerca de 15.400 moradores de Graça não terão mais agências bancárias a disposição, pelo menos provisoriamente. A cidade conta agora apenas com uma casa lotérica com serviços bancários.

O Ceará tem 49 cidades com serviços bancários parcial ou totalmente suspensos devido a ataques de criminosos, de acordo com o Sindicato dos Bancários do Ceará.

Por G1 CE

Nenhum comentário: