sábado, 11 de maio de 2019

Dória diz que não vai abrir mão da F1 em São Paulo

Foto: Reprodução / G1

O governador de São Paulo, Joao Doria, comentou que não irá abrir mão de sediar o Grande Prêmio da Fórmula 1 em 2020. " Não abrirmos mão da F1 em SP, é uma tradição, uma vocação da cidade, e o Autódromo Internacional de Interlagos é um dos melhores circuitos avaliados pelos pilotos".

Doria relembrou que existe um contrato com o município e que o atual prefeito Bruno Covas, pode contar com seu apoio para "lutar pelo seu estado e pela sua cidade pela manutenção do GP em São Paulo".

O governador disse à Agência Brasil, que não há abalo na relação com o presidente de Bolsonaro e que "a relação segue muito boa, estaremos juntos no próximo dia 16 em Dallas, onde ele irá receber o prêmio de personalidade do ano”.


Jair Bolsonaro (PSL) assinou um termo de cooperação com o governador Wilson Witzel e o prefeito Marcelo Crivella na quarta-feira (8) para a construção de um autódromo no Rio de Janeiro. Cidade busca realizar o grande prêmio em 2020 (relembre aqui).

Nenhum comentário: