quarta-feira, 15 de maio de 2019

Moradores da zona rural de Boa Viagem, relatam ter avisto Zé do Valério pelo segundo dia consecutivo


O homem apontado pela Polícia Civil como o assassino da Jovem Danielle Oliveira, Universitária Pedrabranquense, continua foragido há 22 dias, mesmo com toda força-tarefa montada pela secretária de Segurança do Estado. José Pereira da Costa, conhecido como “Zé do Valério" é considerado de alta periculosidade, o mesmo é acusado de matar duas mulheres, nos municípios de Tauá e Pedra Branca. A polícia investiga outros dois casos de estupro, que estão sendo atribuído ao mesmo na região Centro-Sul cearense. Pelo segundo dia consecutivo, moradores da região de Catolé, zona rural de Boa Viagem, relatam ter avistado o suspeito. Na noite do último domingo (12), um homem que trajava roupas de manga comprida e uma mochila nas costas, foi até um comercio tomou uma cachaça e comeu bolachas. O comerciante que atendeu o suspeito, descreveu as características físicas como um homem ''manco'' e que o braço tinha uma certa deformidade encobrida pela camisa longa de cor amarela, além disso, o homem usava botas do tipo 7 léguas, usada para terrenos úmidos. A Polícia foi acionada esteve no local, porém o mesmo não foi encontrado. Já na última segunda-feira (13), Segundo o site SertNews, por volta de 8h da manhã, a cerca de 400 metros da primeira vez em que o homem foi visto, novamente populares o avistaram, e como algo estranho, o homem se evadiu pela mata, desta vez, ninguém acionou a Polícia.
A delegada de Pedra Branca, Anarda Pinheiro Araújo, tem informado que as buscas só vão parar quando ele for capturado.

 Pinheirinho 

Nenhum comentário: