Fachin finaliza voto no processo de Geddel das malas com R$ 51 milhões

Foto: Reprodução / O Globo

O ministro Edson Fachin, que é relator da Lava-Jato no Supremo Tribunal Federal (STF), mandou nesta segunda-feira (27) o processo contra o ex-ministro Geddel Vieira Lima (MDB-BA) ao revisor do caso, o ministro Celso de Mello. Na sequência o revisor do caso, o ministro Celso de Mello vai elaborar um voto, e marcar o jungamento. Como essa é a fase final do processo, a expectativa é de que o julgamento ocorra em breve, mas ainda não há data agendada.

Geddel está preso preventivamente no Complexo Penitenciário da Papuda, em Brasília. Ele responde por lavagem de dinheiro e associação criminosa. O caso veio à tona em 2017, quando foi descoberto R$ 51 milhões em dinheiro em um apartamento em Salvador.

About Acopiara Alerta

Tecnologia do Blogger.