O dispositivo tem como função permitir a agilidade no processo de comunicação de uma ocorrência policial
App 190 Ceará ganha novas funções e recebe denúncias de desrespeito a decreto estadual
Cidadãos se aglomeram em caixa lotérica no José WalterFoto: José Leomar

A Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS) lançou novas funcionalidades no aplicativo 190 Ceará, voltado ao combate à criminalidade no Estado. Agora, o aplicativo conta com opções de registros para denúncias acerca do descumprimento do decreto estadual que estabelece medidas de combate à pandemia do novo coronavírus, como aglomerações.

O decreto de isolamento social que proíbe o funcionamento de serviços não essenciais se estende até terça-feira, dia 5 de maio, no Ceará. A decisão foi publicada no Diário Oficial do Estado (DOE).


Nas novas funções, o aplicativo, criado em 2017, disponibiliza um link para acessar a Delegacia Eletrônica e para registros de boletim de ocorrência. O serviço já está disponível para ser utilizado e pode ser baixado nos sistemas operacionais Android ou iOS. 

Conforme a SSPDS, o dispositivo tem como função permitir a agilidade no processo de comunicação de uma ocorrência policial ou bomberística. Utilizando um aparelho móvel com acesso à internet, o cidadão aciona o 190 e cria ocorrências relacionadas a roubo, disparo de arma de fogo e incêndio, sem precisar passar pelo atendimento telefônico.

Após os dados serem registrados no aplicativo, eles são enviados para o Núcleo de Despacho da Coordenadoria Integrada de Operações de Segurança (Ciops) da SSPDS.

O aplicativo foi remodelado tanto na aparência e na usabilidade como também no conteúdo. O novo conceito da ferramenta foi desenvolvido integralmente pela Coordenadoria de Tecnologia da Informação e Comunicação (Cotic) da SSPDS.

Como acessar o serviço

Para obter o serviço, basta ter um smartphone com os sistemas operacionais Android (Google Play) ou iOS (App Store), acessar as lojas virtuais de cada sistema para fazer o download do aplicativo e completar as etapas de cadastramento. O aplicativo também facilita a comunicação de pessoas com deficiência auditiva e palatal, uma vez que não é necessário interagir com um atendente, apenas escrever no aplicativo.

Diario do Nordeste