O ataque dos criminosos ocorreu por volta de 2h30 e o bando destruiu a agência
A agência ficou completamente destruída após as explosões

Uma quadrilha de ladrões de bancos, fortemente armada e usado explosivos atacou, no começo da madrugada desta terça-feira (7), mais uma pequena cidade do interior do Ceará. Desta vez, o alvo dos criminosos foi o Município de Umirim, na região Norte do estado (a 91Km de Fortaleza).

O ataque aconteceu por volta de de 2h30, quando a população acordou atônita com o barulho de tiros e, logo em seguida, explosões. Naquele momento, o bando estava atacando, simultaneamente, a agência do Bradesco de Umirim e a sede do Destacamento da Polícia Militar.

A ação coordenada, conhecida como “novo Cangaço”, a princípio, não deixou mortos ou feridos, conforme os primeiros relatos da Polícia local. No entanto, causou muitos estragos. A agência ficou completamente destruída com a detonação dos artefatos no cofre e na bateria de caixas eletrônicos. 

A Polícia não sabe, ainda, se o bando teve êxito no roubo do dinheiro que havia nos equipamentos. Uma perícia será feita ainda na manhã de hoje no local.

Procurados

De acordo com informações da Polícia Militar, depois do ataque ao banco, os criminosos fugiram em veículos ainda não identificados em direção ao vizinho Município de São Luís do Curu, na Região Metropolitana de Fortaleza (*RMF).

Patrulhas do Batalhão de Comando Tático Rural (Cotar), do Comando de Policiamento Especializado de Choque (CPE-Choque), foram enviadas à região para dar apoio às equipes locais na caçada aos ladrões.

Por : Fernando Ribeiro
CN7