A determinação seguirá como a anterior, com o fechamento do comércio e mantendo apenas os serviços essenciais, como nas áreas de Saúde e Segurança
O Governador do Estado de São Paulo João Doria durante coletiva de imprensa sobre o Coronavírus. (foto Sergio Andrade) (Foto: Sergio Andrade / Fotos Públicas)

O governador de São Paulo, João Doria, vai estender a quarentena em São Paulo até fim de abril, segundo informações do O GLOBO. O anúncio oficial será feito ainda nesta segunda, 6. Originalmente, o decreto baixado por Doria determinava a quarentena nos 645 municípios de São Paulo entre 24 de março e 7 de abril. Terminaria amanhã, portanto.

Uma reunião comandada por Doria que teve início às 8h de hoje vai selar a nova quarentena e detalhar as ações para o período em que a escalada de casos será inevitável. O próprio Ministério da Defesa, no sábado, classificou a nova fase por que São Paulo e mais quatro estados passarão de "aceleração descontrolada". São Paulo já registrou 4.620 casos de coronavírus e 275 mortes.

Segundo o portal G1, a informação inicial é que não haverá nenhuma flexibilização durante quarentena. Pelo contrário, a ideia, segundo apurado pela TV Globo, é seguir rigorosa. Entretanto, ainda não foi definida nenhuma medida de proibição fluxo de pessoas, a exemplo de outros países.

A determinação seguirá como a anterior, com o fechamento do comércio e mantendo apenas os serviços essenciais, como nas áreas de Saúde e Segurança.

Por REDAÇÃO O POVO ONLINE