Gestores se aproveitam da dispensa de licitação prevista no estado de emergência
Conluio entre prefeitos e fornecedores estaria desviado o dinheiro da Saúde


O ministro da Justiça e da Segurança Pública, Sérgio Moro, quer que a Polícia Federal investigue prefeitos brasileiros que estariam desviando os recursos da Saúde para o combate ao corona vírus. No Ceará, a relação dos prefeitos que estão na mira da PF só tende a crescer.

No Ceará, pelo menos 30% dos prefeitos não estão aplicando os recursos da saúde na luta contra o Covid 19. Há denúncias graves já encaminhadas às autoridades com vícios na conivência entre prefeitura- fornecedores, pois com a decretação do estado de emergência, não há necessidade de licitações.

CN7