A partir de agora, restaurantes, igrejas e outros tipos de celebrações religiosas, além de agências de publicidade e marketing estão autorizados a voltar ao funcionamento, mas com percentual reduzido do trabalho presencial.


Uma das novidades da fase 2 é a reabertura parcial de restaurantes — Foto: Reprodução EPTV

A fase 2 do Plano de Retomada Responsável das Atividades Econômicas e Comportamentais do Governo do Ceará inicia nesta segunda-feira (22) em Fortaleza, único município a avançar para a etapa em questão.

A partir de agora, restaurantes, igrejas e outros tipos de celebrações religiosas, além de agências de publicidade e marketing estão autorizados a voltar ao funcionamento, mas com percentual reduzido do trabalho presencial.


De acordo com os protocolos estabelecidos pelo governo, serviços de assistência social sem alojamento e da liberação de indústrias e serviços de apoio relacionados à contabilidade, direito e serviços de apoio administrativo também estão inclusos nesta etapa.

Os segmentos liberados ainda na fase de transição passam, agora, a um funcionamento pleno, com 100% dos trabalhadores nas atividades, como é o caso da indústria química e correlatos, artigos de couro e calçados, cadeia de construção, cadeia metalmecânica e afins, saneamento e reciclagem e cadeia energia elétrica.

Os serviços de alimentação fora do lar, comunicação, publicidade e editoração, indústrias e serviços de apoio, tecnologia da informação, assistência social e esporte, cultura e lazer terão 40% do trabalho presencial liberados.


No caso das celebrações religiosas, está permitido apenas 20% da capacidade dos locais.

Restaurantes

De acordo com Flávio Ataliba, secretário Executivo de Orçamento e Planejamento da Secretaria de Planejamento e Gestão (Seplag), uma das novidades da fase 2 é a reabertura parcial de restaurantes da capital. O secretário explica que os estabelecimentos estarão abertos para o público das 11h às 16h, e que os funcionários poderão chegar mais cedo para preparar as refeições.

"É necessário afastamento das mesas em dois metros e até quatro pessoas da mesma família por mesa, dando preferência ao menu à la carte. Há também preferência por lugares abertos, mas se o restaurante for em um ambiente fechado, tem que limpar os filtros de ar-condicionado todos os dias porque a gente não sabe ainda o grau de transmissão do vírus. Os restaurantes não podem ter show e nem música ao vivo".

Ataliba ainda explica que, caso os restaurantes optem pelo self service, há uma série de recomendações a serem seguidas. "Vai ser necessário na entrada das pistas que se coloquem luvas e que alguém do restaurante disponibilize álcool em gel. Os talheres têm que estarem dentro dos saquinhos".

Lista do que retorna

Com 40% do trabalho presencial

Agências de publicidade, marketing, edição e design;
Indústrias e serviços de apoio: organizações associativas, contabilidade, direito e serviços de apoio administrativo;
Consultoria em Tecnologia da Informação e Comunicação, software house e assistência técnica;
Assistência social: defesa de direitos sociais e serviços de assistência social sem alojamento;
Restaurantes;

Com 20% da capacidade

Atividades e celebrações religiosas;

Com 100% do trabalho presencial

Indústria química e correlatos;
Indústria de artigos de couro e calçados;
Cadeia metalmecânica e afins;
Saneamento e reciclagem;
Cadeia da energia elétrica;
Construção Civil



Camilo Santana realiza anúncio sobre avanço da retomada da economia em Fortaleza





Por G1 CE