Os crimes aconteceram entre a tarde de domingo e a madrugada de hoje
A maioria dos crimes tem característica de pistolagem (execução sumária)

O Vale do Jaguaribe passa por momentos de muita violência neste mês de julho de 2020. Nas ú
ltimas 48 horas, ao menos, seis pessoas foram mortas em municípios da região, numa sequência de execuções sumárias que ainda estão sendo investigadas pelas autoridades e nenhum suspeito foi preso. Entre os casos, um triplo assassinato ocorrido na tarde do último domingo (26), no Município de Alto Santo.


Já na madrugada desta terça-feira (28) mais um crime ocorreu naquela zona do interior cearense. Um jovem identificado por Marcos Vinícius foi assassinado, a tiros, dentro de casa, na cidade de Jaguaribara. Ele era natural de Alto Santo, Município que registrou quatro assassinatos os últimos dois dias.



Crimes

A sequência de assassinatos no Vale do Jaguaribe nas últimas 72 horas começou no domingo em Alto Santo, quando foram mortos, a tiros, no Distrito de Castanhão, duas mulheres e um homem. As três vítimas foram identificadas como: Maria Euzinete Lima Sabóia, 35 anos; Francisca Rayane Silva Martins, 22; e Emanuel da Silva Carneiro, 21.

Na segunda-feira (27), mais um crime foi registrado em Alto Santo, desta vez na zona rural. No Sítio Tibolo foi morto, a tiros, um homem identificado como Glauber de Oliveira Morais, conhecido por “Glaubim”.


Também ontem, um homem foi morto e outras duas pessoas ficaram feridas a tiros em pleno centro comercial da cidade de Jaguaretama. O tiroteio aconteceu na Avenida Padre Sebastião Marleno. As vítimas não tiveram seus nomes revelados.

O sexto crime na região aconteceu na madrugada de hoje na cidade de Jaguaribara.

Por : Fernando Ribeiro
CN7