Polícia registrou cinco execuções na Grande Fortaleza e mais dois casos no Interior
A sequência de crimes na Grande Fortaleza se intensificou neste ano

Sete pessoas foram assassinadas no Ceará nas últimas 24 horas. De acordo com os registros da Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS), através das unidades da Polícia Militar e da Polícia Civil, foram registrados três assassinatos na Capital, dois na Região Metropolitana de Fortaleza e mais dois casos no Interior.

Dois homicídios coram registrados no Conjunto Palmeiras, na zona Sul da Capital. Na manhã de ontem, o corpo de um homem, com marcas de violência, foi encontrado no bairro. A vítima, não identificada, teria sido executada a tiros e o cadáver deixado próximo a uma lagoa. À noite, outro homem foi morto no mesmo bairro. O crime aconteceu na Rua Catolé.

No Conjunto Ceará, bandidos invadiram uma oficia mecânica localizada na Rua 616 e mataram, a tiros, um homem identificado como Madison Viana Nunes, 32 anos, que tinha antecedentes criminais e era um ex-presidiário.

Em Maracanaú, um homem foi assassinado, na noite de ontem, a pedradas e pauladas. O crime aconteceu na Rua São Jerônimo, no Jardim Bandeirante, Distrito de Pajuçara. Uma equipe do Samu chegou a ser deslocada para socorrer a vítima, mas a encontrou morta. 

Em Paraipaba, também na RMF, um homem foi encontrado morto a golpes de faca e encostado a um poste junto a uma cerca de arame. O crime ocorreu no começo da manhã de ontem, e a vítima foi identificada apenas por Joaquim.

Interior

Em Sobral, na zona Norte do estado, um crime de morte ocorreu por volta das 23h30 desta quinta-feira, no bairro da Expectativa. Um homem identificado apenas pelo apelido de “Canaba”, foi morto com vários tiros. A Polícia procura os criminosos.

Em Jucás, no Centro-Sul do estado, um homem identificado apenas pelo nome de Renê, foi morto, a tiros, dentro de sua residência.

Por : Fernando Ribeiro
CN7